quarta-feira, 31 de julho de 2013

Barriga Tanquinho ou Barriga Chapada


Lá nos anos passados a moda era cintura fina, com o uso de corselet, depois na era "academias e musculação", abdome chapado fazia sucesso. Agora o tanquinho está por aí em todos os lugares. Está em todos os lugares mas não vemos assim tão facilmente, principalmente quem é comum, como eu, você, que não somos atletas nem nada.

Quem não tem nem um nem outro, o trabalho vai ser árduo, mas não impossível. E acreditem, não é com abdominais que se consegue esse efeito da noite pro dia.

Primeiro temos que queimar calorias, diminuir peso e acabar com a gordura abdominal. Pra isso é preciso fazer exercícios aeróbicos que são aquele que se usa o oxigênio no processo de geração de energia do músculo. Esse tipo de exercício trabalha uma grande quantidade de grupos musculares de forma rítmica - andar, correr, nadar, pedalar.

Então, moçada, quer acabar com a pochete? Vamos suar a camisa! Não adianta só fazer abdominais, tem que acabar com a gordura localizada.

Tudo isso com a reeducação alimentar, exercícios frequentes e depois de eliminada a gordura (demora, eu sei), aí entra o profissional de Educação Física pra fazer uma avaliação e começar a trabalhar os músculos abdominais.


Olha aí os gominhos, quando trabalhamos os músculos!

Para definir os músculos retos ou superiores: elevação dos ombros ou do corpo, deixando o quadril no chão.

Para os músculos laterais: A mesma posição, eleva um ombro, depois o outro.


Para os músculos inferiores do abdome:

A elevação é do quadril, os ombros ficam no chão.



Os exercícios são feitos em séries. 3 séries de 12 repetições, ou 3 séries de 15 repetições, ou 4 séries de 10 repetições. À medida que o músculo se acostuma, aumenta-se a série e posteriormente usam-se pesos. As variações de abdominais são muitas. E deve-se fazer a série com descanso entre as repetições, sentindo o músculo arder, mas jamais sentir dores nas costas ou no pescoço. Por isso o ideal é o acompanhamento de um profissional para evitar lesões.

Os músculos devem ser trabalhados com descanso de um dia entre eles, pois a carga exercida sobre os músculos faz aumentar a produção de proteína por 24h a 48h. É aí que os músculos crescem. Para esse crescimento é necessário descansar a região no dia seguinte.

Peguei essas dicas e a melhor forma de explicar nesse link AQUI!

Portanto, não adianta fazer 892 abdominais todos os dias (eu fazia uns 500, todos os dias). Tem que dar o descanso pro músculo poder crescer, chapar ou virar tanquinho. Mas antes de tudo isso, é preciso eliminar a gordura da região (sim, é muito difícil, eu sei, imagina eu que tô beirando os 50 e fiquei quase 20 anos sedentária?). Mas não é impossível!

Queimar calorias, suar a camisa, ficar ofegante, beber muita água, comer coisas saudáveis, dormir bem, ser feliz, sempre!




4 comentários:

  1. Gostei!! Só uma perguntinha, pode??

    O médico disse para eu fazer mil abdominais por dia, sempre no mesmo horário. Aí contratei um cara para correr e fazer os exercícios por mim. Semana passada peguei o cara fumando e bebendo muito chope e dei-lhe um esporro tremendo na frente de todo mundo.

    Fiz mal???

    Ahahahahhhahahahhahahahhahahhahah... :p

    Beijuxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx...

    KK

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então eu acho que vc deveria tentar artes marciais, pra domar esse tigre que existe dentro de você!

      Coitado do moço! Talvez estava até na sua hora de folga, aquela que tem que ter entre um exercício e outro. Folga de um dia, lembra?

      hehehehehehehhehehe
      Beijos

      Excluir
  2. Esse anônimo brinvalhão só quer mesmo é se divertir. Mas esses ensinamentos são da maior valia. Eu já consegui me livrar das cartucheiras, agora estou atacando a gordura abdominal. Meu beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele é um amigo muito querido!

      Difícil acabar com esses acessórios que vamos adquirindo durante a vida, né?
      Mas vamu que vamu que conseguimos!

      Beijos

      Excluir

Bem-vindos!

Seus comentários são importantes para a sequência das postagens.
Me contem se gostam ou não, se têm sugestões ou dúvidas e o que gostariam de ler em postagens.
Responderei por aqui, caso seja necessário.