sábado, 20 de dezembro de 2014

É Claro Que Faz Mal


Homem bebe coca-cola durante um mês e vê mudanças drásticas no seu organismo. Link AQUI!


No Fantástico, Padre Marcelo Rossi fala de sua dieta maluca. Link AQUI, de um texto meu sobre o assunto.

Bem, não é sobre dietas malucas a intenção do texto, mas em alertar que é claaaaaro que quem come só um tipo de alimento ou quem exagera em um ou mais alimentos vai prejudicar seu organismo.

Precisamos de um pouco de cada alimento. Como já disseram vários estudiosos, o prato tem que ser bem colorido pra satisfazer todas as nossas necessidades diárias de vitaminas, proteínas, sais etc.

Fique um mês comendo só alface, rúcula e brócoli pra você ver o que acontece. Ou então só coma arroz todos os dias. Ou então só ingira líquidos durante alguns meses. Isso é uma bomba pro nosso organismo! Tem aquela dieta da proteína que é boa, mas tem um prazo determinado pra que seja feita, depois tem-se que incluir os outros alimentos.

Nada melhor do que moderar sempre, não se privar do que gosta, mas coma no dia certo e na quantidade certa. E depois compense no outro dia.

E faça exercício físico! O corpo não foi feito pra ficar inerte. Temos que nos movimentar pra que ele funcione de acordo, sem causar nenhum dano.

Tudo que é muito faz mal, tudo que é nada faz falta, então reeduque-se e seja feliz e saudável.

Um ótimo Natal pra todos e um espetaculoso 2015, com muita disposição pra começar, ou recomeçar ou continuar a se cuidar. Ame-se!

Volto só em 2015.

Juízo!

domingo, 14 de dezembro de 2014

Bella Falconi


Bella Falconi, a musa fitness, que antes comia muito fast food e depois resolveu mudar radicalmente, resolveu não radicalizar mais. Leia AQUI!

Simplesmente repensou sua vida, durante a lua de mel na Tailândia e percebeu que era hora de uma mudança, não tão radical como foi a primeira, mas relaxar um pouco e viver com mais liberdade. O que você acha?

Como já disse muitas vezes aqui, toda forma radical de manter a forma é perfeito só pra atletas. Na nossa humilde vida comum não faz tanto efeito assim ao longo do tempo. Se radicalizamos numa dieta rigorosa, assim que atingimos o peso desejado "nos presenteamos" com guloseimas que ficamos meses ou até anos sem sentir o gosto. E o efeito sanfona vem com tudo! Melhor mesmo é a Reeducação Alimentar, mesmo que demore um tempo mais longo, acompanhado, claro, de exercícios físicos. De preferência um que você tenha prazer, sem sentir aquela tortura de ser obrigado a ir se movimentar. Com prazer nada é tortura. Não há tempo ruim, chuva, sol, frio, neve, enfim, todo dia é dia de praticar exercício com prazer.

Por outro lado é muito bom alcançar um objetivo proposto, mesmo que seja da forma radical. Por isso é bom e necessário sempre um acompanhamento médico, nutricional e personal, mesmo após atingido o foco.

Leia AQUI a dieta de Bella Falconi que ajudou-a a ter e manter um corpo enxuto e um abdômen trincado.

Nunca se esqueça de viver bem, com bom humor, leveza, prazer... E coma quando sentir vontade, em pequenas porções, na hora certa e no dia certo. Sem culpa! E compense no outro dia, comendo alimentos mais leves e lights.


domingo, 30 de novembro de 2014

Pão de Queijo Light

Imagem Google

Ingredientes

3 ovos
1/2 copo de óleo
1 copo de leite desnatado
1 colher (chá) de sal
2 copos de polvilho doce
1 copo de polvilho azedo
300 gr de parmesão light ralado grosso

Modo de fazer

Bata tudo no liquidificador, menos o polvilho, que será colocado por último.
Untar e enfarinhar forminhas de empada e encher bem cada uma.
Salpicar parmesão por cima e assar em forno a 160º por 30 a 40 min.

Essa receita é da Lucília Diniz, mas causou polêmica por não ser tão light assim. Então eu sugiro retirar o queijo parmesão e colocar gotas de essência de queijo parmesão e usar óleo de girassol, canola ou coco.
É opcional. Quanto mais emagrecemos a receita, melhor pra nós.


domingo, 23 de novembro de 2014

Crossfit


Crossfit é um programa de treinamento de força e condicionamento físico, feitos em alta intensidade e constantemente variados. É um agrupamento de três modalidades: levantamento de peso, ginástica olímpica e condicionamento cardio. Digamos que é um esporte completo e que está na moda.

Cada vez mais procura-se resultado rápido e o crossfit proporciona esse resultado, pois a intensidade e a variação dos exercícios, junto com a velocidade ocasiona uma satisfação desejada e um excelente condicionamento físico e cardíaco.

Mais detalhes nesse site AQUI. Pra quem tem interesse vale a leitura.

Assistam o vídeo abaixo e animem-se! Vamos! Garanto que você consegue fazer bem mais do que imagina. Se não fizer não vai saber que é capaz. Tanta opção hoje em dia e certamente uma ou mais de uma vai se adequar a você, com certeza.

Boa sorte!



domingo, 16 de novembro de 2014

Farinha Branca


Muito já se ouviu falar dos 3 pós brancos prejudiciais à saúde: farinha de trigo, açúcar e sal.

Não acho conveniente excluí-los da alimentação, mas podemos moderar seu consumo. A farinha de trigo, por exemplo, esse mês reduzi ao máximo seu consumo e vi resultado no meu corpo. Digamos que o abdômen secou um pouco. Bom!

Hoje em dia muitos alimentos não utilizam a farinha e os alimentos integrais são bem-vindos. Abri mão das massas também, que adoro. Não me fizeram falta... Não significa que não mais comerei massa, mas de vez em quando é necessário.

Já disse que sou contra abolir completamente os alimentos que gostamos do cardápio, mesmo quando estamos em processo de Reeducação Alimentar. Exceto quando há restrição médica.

Reeducação Alimentar é isso, comer de tudo, na hora certa e na quantidade adequada. Aprendemos a comer pra nunca mais engordarmos.

Até hoje tem dado certo, mesmo não resistindo aos doces, ainda. Sou formiga e nem sempre dá pra ficar sem uma barrinha de chocolate de 5g pra comer.

Me lembro de anos atrás quando fazia aquelas dietas malucas ou até mesmo com acompanhamento médico, em que comia muito pouco e o que não tinha o hábito de comer. Comia só porque estava no cardápio. O resultado era o efeito sanfona, voltava tudo num piscar de olhos, da noite pro dia, gorda novamente.

Ainda tenho muito pra me adaptar, principalmente saladas cruas... argh! Não tenho o hábito, mas estou trabalhando isso pra agregar definitivamente no meu cardápio.

Um ponto positivo são as frutas, que adoro! Não passo sem consumir 2 a 3 porções por dia.

E tudo isso aliado à atividade física que amo, que é o Muay Thai, fica tudo perfeito. Posso melhorar mais, com certeza conseguirei.

Agora, uma receita sem farinha de trigo, das boas.


Ingredientes

2 bananas nanicas bem maduras
1/2 xícaras (chá) uvas passas pretas
2 ovos pequenos
1/4 xícara (chá) de óleo
1 xícara (chá) de aveia, flocos finos ou grossos
1 colher (sopa) de fermento em pó

Modo de fazer

Bata no liquidificador, menos a aveia e o fermento, que deve ser misturado numa tigela, pra não pesar muito no liquidificador. Unte a forma só com manteiga e leve ao forno pré-aquecido por mais ou menos 35 min. Verificar, espetando um palito. Se sair limpo está assado. Polvilhe canela e sirva.



domingo, 2 de novembro de 2014

Mousse de Chocolate



Ingredientes

200 gramas de chocolate meio amargo picadinho
3/4 xícara (chá) de água quente
Gelo

Modo de fazer

Coloque um saco plástico, com gelo dentro, em volta do bowl da batedeira. Coloque o chocolate picado na batedeira, junte a água quente e bata em velocidade máxima por 2 min. Sirva imediatamente.

Rende 4 porções com 254 kcal/cada.

Super fácil!

Receitas da Lucília Diniz

domingo, 19 de outubro de 2014

Suco Detox de Tomate


Ingredientes

200 ml de suco de tomate pronto
25 ml de suco de limão
2 gotas de pimenta
Água com gás

Modo de fazer

Misture todos os ingredientes e sirva em copos de vidro com pedras de gelo.

As propriedades do tomate:

- Rico em licopeno
- Vitaminas C, A, B9
- Fibras e sais minerais como cálcio, fósforo, magnésio e potássio.
- Ajuda a proteger o sistema imunológico
- Melhora o funcionamento do intestino
- Elimina gordura em excesso

domingo, 5 de outubro de 2014

Quase 50 e Ainda Posso


Um horror, gente, mas é assim mesmo! Coloquei o depois antes do antes pra não sofrer tanto. Mas aí está o antes e depois... O antes faz uns três anos e o depois é recente, na minha graduação de Muay Thai. Bendita Muay Thai!

Então, hoje, dia seis de outubro, completo quarenta e nove anos. Pra quem não sabe, me formei em Educação Física em 1989. Não exerci a profissão por "n" motivos que não cabem aqui agora, e fiquei vinte anos praticamente sedentária. E há dois anos voltei pra academia. Primeiro na musculação, depois aulas de jump, e depois fui convidada a fazer uma aula de Muay Thai. Amor à primeira vista! E nunca mais deixei de treinar.

E o resultado é esse: mais magra, com mais massa magra, pressão arterial praticamente controlada, ainda em Reeducação Alimentar (ainda tenho muito que moderar na minha dieta), e vida nova a cada dia.

Esporte é saúde, é alegria, é bom corpo, boa disposição, tudo de bom!

Faça o que lhe agrada, o que lhe dá prazer e viva bem!

Que eu envelheça com saúde, disposição e, como eu sempre dizia na juventude, que eu seja uma idosa sacudida!

Vamu que vamu e parabéns pra mim!


Uma fotinho bonitinha, recente e retocada, pra dar uma animada na autoestima. Posso, né?

domingo, 28 de setembro de 2014

Torta Rápida de Espinafre

Imagem Google

Sem farinha e sem glúten. Rende 06 porções com 73 kcal/cada.
Link Lucília Diniz.

Ingredientes

1 1/2 xícara (chá) de espinafre cozido
1 xícara (chá) de queijo cottage
1/3 xícara (chá) de queijo minas light ralado
6 claras
1 ovo
1 cebola média picada
1 pitada de pimenta caiena
1 pitada de nóz-moscada
Sal a gosto

Modo de preparo

Pré-aqueça o forno. Em uma frigideira antiaderente refogue a cebola até ficar translúcida
Adicione o espinafre, mexa e reserve.
Em um refratário para torta, com uma toalha de papel, unte com óleo.
Em separado bata as claras, o ovo, o cottage e os temperos.
Finalize colocando a mistura sobre o espinafre no refratário. Asse por cerca de 30 min.


domingo, 21 de setembro de 2014

Triglicérides


Triglicérides = acúmulo de gordura no sangue.

Causas e fatores de risco = o distúrbio lipídico aumenta o risco de aterosclerose e, portanto, de doença cardíaca, AVC, hipertensão e outros problemas.

Podem ser causados por:
- Estar acima do peso;
- Alguns medicamentos, incluindo contraceptivo oral (ver link);
- Diabetes, hipotiroidismo, síndrome do ovário policístico, doença renal;
- Álcool;
- Dietas gordurosas;
- Vida sedentária;
- Fumo.

Alimentos que ajudam a combater o triglicérides:
- Óleos vegetais;
- Frutos secos;
- Abacate;
- Cereais integrais;
- Peixe;
- Frutas e verduras;
- Bebidas vegetais.

Neste link AQUI, mais detalhes de alimentos bons pra combater triglicérides.

É uma doença silenciosa e deve ser tratada imediatamente.

Neste link AQUI, um bom texto pra ser lido, entendido e seguido.

Cuidar da saúde, prevenir doenças e viver bem, sem correr riscos de se ter uma enfermidade e nos deixar imobilizados ou até nos levar a morte.

Leiam o link, se informem, previnam-se, façam exames periódicos pra diagnosticar alguma alteração sanguínea se sejam felizes com saúde.

Boa semana!


domingo, 14 de setembro de 2014

Bolo de Chocolate sem Farinha de Trigo

Imagem Google

Ingredientes

3 colheres (sopa) de cacau em pó
2 xícaras (chá) de ricota
1/2 xícara (chá) cream cheese light
1 ovo
2 claras
3 colheres (sopa) de adoçante para forno e fogão
1 colher (sopa) de essência de baunilha

Modo de fazer

Bata todos os ingredientes até virar um creme. Despeje numa forma redonda de aro removível e leve ao forno pré-aquecido a 150º C por 45 min. Espere esfriar, desenforme e leve para gelar. Sirva com uma calda de chocolate light.

Calda de chocolate light

1 xícara (chá) de leite desnatado
4 colheres (sopa) de cacau em pó
4 colheres (sopa) de adoçante em pó
1 colher (chá) de amido de milho
1 colher (chá) de essência de baunilha

Misture todos os ingredientes e leve ao fogo até engrossar, mexendo sempre. Coloco ainda quente sobre o bolo.

Receitas sem a farinha branca e sem glúten são as queridinhas do momento e vou aderir também. Tenho triglicérides alta, genético, que preciso controlar com reeducação alimentar, atividade física e moderar em alguns ingredientes na alimentação. Farinha branca é uma delas. Aos poucos vou substituindo tudo. Espero!

domingo, 7 de setembro de 2014

25 Métodos Para Perder Peso

Um site muito interessante: Melhor com Saúde. Muitas informações interessantes sobre saúde e bem-viver.


Algumas dicas de como facilitar para se eliminar peso. Massa gorda. O ideal é que tenhamos muita massa magra.

- Comer purê de legumes. Essa dica eu achei ótima! Como é que a gente não pensa nisso?

- Não abuse de nenhum alimento. Isso eu falo sempre. Difícil deixar de comer o que se gosta, caso não tenha restrição médica, o ideal é comer de tudo, na hora certa e na quantidade adequada.

- Tente preparar sua própria comida. A gente controla o óleo e o sal.

- Nunca fique cheio com suas refeições. O ideal é sairmos da mesa ainda com capacidade de comer a mesma quantidade. O cérebro recebe tardiamente nossa saciedade e demora um tempo para assimilar que já estamos saciados.

E mais algumas dicas ótimas no link. Clica lá e veja!

domingo, 31 de agosto de 2014

Brigadeiro de Banana - Light

Imagem Google


Como viver sem brigadeiro? Nossos problemas se acabaram!

Ingredientes

1 banana madura
2 colheres (sobremesa) de leite em pó desnatado
1 colher (sobremesa) de cacau em pó
Chocolate amargo (opcional), pra misturar ou pra enfeitar.

Modo de fazer

Amasse a banana e coloque no micro-ondas por um minuto. Misture os demais ingredientes e está pronto! Tem mais ou menos 80 kcal.
Praticamente um festival de brigadeiro... Semana passada e essa... Tá bom, né?
Aliás, banana é tudo de bom! Lembram dessas receitas AQUI? Tudo banana!


domingo, 24 de agosto de 2014

Sorvete de Manga - Light

Imagem Google

Nesse calor em pleno inverno, nada mais refrescante que um sorvete sem culpa.

Ingredientes

4 mangas-rosa, bem grandes
4 copos de iogurte natural light
açúcar ou adoçante a gosto

Modo de fazer

Corte as mangas e leve ao freezer. Com o coador de papel de café, coloque o iogurte, se for o tamanho 102 cabem dois copos, e deixe até que o soro escorra, por 30 min . Descarte o soro. Pegue o iogurte e coloque no freezer. Mais ou menos 2h é tempo suficiente para gelar. Bata tudo no liquidificador, coloque numa vasilha e cubra com um plástico. Leve novamente ao freezer. Quando estiver gelado já está pronto!
Prático e saudável!

domingo, 17 de agosto de 2014

Brigadeiro Light com Whey Protein

Imagem Google

Pra quem gosta e consome Whey Protein.

Ingredientes

1 1/2 xícaras (chá) de água fervente
1 xícara (chá) de leite em pó desnatado
1xícara (chá) de Whey Protein sabor chocolate
3 colheres (sopa) de achocolatado light
3 colheres (sopa) de adoçante culinário
1 colher (sopa) de margarina light

Modo de fazer

Bata os ingredientes, menos o Whey Protein, no liquidificador ou mixer. Leve ao fogo brando mexendo sempre até ferver. Quando começar a desprender da panela, coloque o Whey Protein e mexa mais um pouco. Está pronto!

Você é daquelas(es) que não esperam o brigadeiro esfriar? Nem eu!

domingo, 10 de agosto de 2014

Força de Vontade e Ajuda de Todos

Foto arquivo pessoal de Milton Bispo Jr
A reportagem completa está neste link AQUI,

É muita força de vontade e determinação em seguir um foco, persistir e conseguir. O apoio de familiares, amigos, personal, ajuda psicológica e muita disciplina fazem toda a diferença no sucesso obtido.

Mudar hábitos nocivos enraizados desde sempre não é fácil. Sozinho a chance de se conseguir é praticamente nula, mas não impossível.

Está aí o exemplo de Milton Bispo Jr que, impossibilitado de fazer a cirurgia bariátrica, não desistiu e eliminou 76 kg de seu peso. Tinha praticamente uma pessoa embutida nele. Imagina eliminar 76 kg? E a gente sofrendo pra eliminar uns 10 kg... Não é fácil mesmo!

Dá pra animar e recomeçar ou continuar de onde paramos, até o resultado que tanto almejamos chegar e permanecer pro resto da vida.

Milton tinha pressão alta por causa do peso. Eu digo que também tinha pressão alta e ainda tenho, mas reduzi pra 1/4 os miligramas do medicamento. Isso é uma vitória e tanto!

Boa sorte pra nós!


domingo, 3 de agosto de 2014

Entrevista - Camila B. Monteiro

Ex-gordinha



Nesses nossos passeios pela internet sempre nos deparamos com pessoas que temos afinidade e que conversamos e trocamos informações. Camila chegou, se alojou no meu blog e eu retribui. E descobri que ela fez cirurgia bariátrica, aquela de reduzir o estômago, e gentilmente concordou em responder a umas perguntas curiosas e que, certamente, poderá ajudar quem tem dúvidas ou medos.

Como ela se define: lê muito, escreve muito, assiste muito seriado, enfim, uma pessoa deliciosa de conversar. Mas a defino como escritora também. Se escreve em algum lugar, se tem livro lançado, é escritora! Cliquem no link do blog dela pra saber do livro lançado.

Tem os blogs http://www.vidacomplicadademais.blogspot.com.br/ e o http://pesopocket.wordpress.com/.

Infelizmente o preconceito é grande e está longe de ser deletado da vida das pessoas. O ser humano é crítico e cruel. Fala sem pensar e ainda coloca a aparência acima da capacidade intelectual. Pena, mas é assim, infelizmente.

Vamos à entrevista.

1) Como foi sua infância e adolescência? Era uma pessoa fofinha ou fortinha, como muitos chamam?

Eu sempre fui gordinha. Não chegava a ser obesa, mas sempre estive acima do peso, vou me conhecer magra pela primeira vez com essa cirurgia. Minha família toda tem o mesmo problema e a alimentação nunca foi a minha maior preocupação na vida.

2) Quando começou a engordar? Qual foi o motivo?

Foram várias coisas juntas. Meu maior ganho de peso veio depois da faculdade, com as frustrações de emprego aliada a perda dos amigos todos. Além disso, passei por uma desilusão amorosa que me jogou no fundo do poço. Esse foi o meu maior auge de obesidade. Nada na minha vida estava bom e a única coisa que me dava prazer era ver séries e comer.

3) Acho que não preciso perguntar se sofreu algum tipo de preconceito por estar acima do peso, mas me diga como lidava com isso? 

Sofri muito pouco porque sempre fui muito comunicativa. As pessoas se sentiam bem ao meu lado porque “nós, gordinhos” gostamos de compensar nossa aparência com algo divertido, mas não tive muitos namorados. Eu servia como amiga e não como amante. Isto sempre me entristeceu muito.

O maior preconceito eu enfrentei na área profissional. É difícil arrumar emprego sendo obesa, principalmente se estivermos competindo com pessoas magras. Ainda existe muito disso e nem sempre a experiência e responsabilidade vencem o excesso de peso em uma seleção.

4) Demonstrava estar feliz com seu corpo mesmo sem estar? Como era a hora de se olhar no espelho? E com namorados?

Eu nunca me senti feliz com meu corpo, mas passei por períodos em que não ligava muito. Namorados foram poucos, mesmo porque eu me escondia muito e não me aventurava. No fundo eu não achava justo querer ter uma vida amorosa já que eu não tinha um corpo legal. Acho que é uma forma de me punir mesmo que inconscientemente.

5) Quando resolveu fazer a cirurgia? Já havia tentado dietas ou reeducação alimentar? Deu certo ou depois engordou tudo de novo? Efeito sanfona?

Desde os 12 anos faço dieta. Há 20 anos era normal tomar remédios pesados para auxiliar e isto contribuiu para minha obesidade agora. Eu cheguei a emagrecer mais de 20 kg em dois meses e engordei 40 kg na mesma velocidade. Meu corpo sofreu e apareceram as tão temidas estrias. Fiz dietas malucas, fiz dietas certas com acompanhamento médico ou não. Fiz massagens, drenagens e nada funcionava. Tudo que eu emagrecia voltava em dobro em um final de semana apenas. A cirurgia foi minha última tentativa.

6) Como você se sentiu quando resolveu realmente fazer a cirurgia? O que passava em sua cabeça? Se olhava no espelho e já se enxergava mais magra?

Não me sinto magra até agora com quase 20 kg a menos. Fui conhecer o médico e ver como funcionava a “coisa toda” e saí do consultório com encaminhamentos de exames e planos de dieta. Foi um susto, mas me animou como nunca havia acontecido na minha vida.

Pela primeira vez consegui fazer dieta de verdade, com opinião forte do que queria e emagreci 6 kg antes da cirurgia sem sofrer ou ficar irritada.

7) Quando marcaram o dia, como conseguiu lidar com a ansiedade sem enlouquecer ou se entupir de comida?

Minha cirurgia estava marcada para o dia 28/07 e no dia 11 me ligaram do consultório e disseram que havia uma vaga para dali 3 dias. Tive que suportar só esse tempo, mas foi como se fossem 4 meses de espera.

Não vou mentir, tomei um café da manhã mais reforçado nesses dias, mas conservei a minha dieta com toda responsabilidade. Eu sabia que meu corpo precisava se sentir mais saudável para passar bem pela operação.

8) Na hora em que já estava deitada na maca, quando lhe deram a anestesia, o que pensava naquele momento? Teve medo de não dar certo?

Nós tomamos duas anestesias, uma peridural e logo em seguida a geral. Senti medo até o momento de entrar no centro cirúrgico, mas lá dentro a equipe é enorme e todos ajudam muito, dão amparo e nos tranquilizam. Dormi tranquila confiando neles. Acho esse processo muito importante: confiar no médico. Sem isso eu não teria nem deitado na maca.

9) Quando abriu os olhos, depois de acabar a anestesia, quem viu primeiro ao seu lado? Teve apoio de todos e teve críticas também?

Acordei na sala de recuperação e levantei o lençol para ver meu dreno. Esse era o meu maior medo desde o começo. Eu sabia que ficaria 7 dias com ele e isso me preocupou. Mas eu não sentia dor alguma e as enfermeiras ao meu redor eram adoráveis. Tudo ocorreu super bem até ir para o quarto onde meus pais estavam me esperando.

Até agora só contei com apoio, apenas alguns amigos acharam que eu estava sendo radical demais, mas logo entenderam minha necessidade e hoje me confortam demais na recuperação.

10) Como foi a recuperação? Dolorida? 

Os 5 primeiros dias foram complicados. Por causa do dreno eu não conseguia deitar, então dormi na sala até tirá-lo. Ele passa perto do diafragma e isso causa dores no ombro do lado que ele está além da falta de ar quando eu me deitava. Fora isso levava super bem. Ele em si não doía, era mais o reflexo.

Ao contrário da minha preocupação, não senti absolutamente nada quando fui tirá-lo – nem dor, nem aflição. Foi como tirar um Band-Aid. Senti-me até boba por ter me preocupado tanto e o alívio ser imediato. Saí do consultório já sem dor alguma, pareceu mágica!

Andar fazia com que as dores passassem também, então eu caminhava muito e isso me ajudou demais. Não tive problema alguns nesses dias além de não conseguir deitar. Logo que acordamos no quarto do hospital já chega uma fisioterapeuta e nos coloca para passear nos corredores, é um barato!

11) Sente falta do alimento, depois que passou a fase crítica do pós operatório?

Sinto falta de coisas salgadas. A dieta é muito doce (gelatina, suco, iogurte, pudim, água de coco) e eu sempre preferi coisas salgadas. Desde o segundo dia venho sonhando em comer pão com manteiga e por incrível que pareça passei a gostar de ervilha (posso comer sopa de ervilha), coisa que não gostava antes. Hoje anseio pelo dia de poder comer uma salada de ervilha (rs).

Mas é controlável. É um trabalho constante de reeducação alimentar mesmo. Não sinto fome alguma e sei que isso é só gula, então trabalho no meu psicológico, me distraio e vou levando. Ainda me sinto bem forte diante de comidas.

11) Tem acompanhamento familiar e psicológico?

Minha família me ajuda muito e a equipe que me operou conta com vários profissionais e um deles é uma psicóloga. Não são muitas seções, mas são excelentes. O trabalho maior é meu mesmo. Tenho que reafirmar minha força de vontade sempre e acho isso ótimo, daqui a pouco poderei comer de tudo e jamais quero voltar a engordar novamente.

12) Já vê resultados?

Sim! Nas roupas e no meu rosto. Sinto que estou “diminuindo” (rs). Tenho só 20 dias e duas fotos para comparar apenas (tirarei de 15 em 15 dias), mas é visível a diferença e as pessoas já começaram a notar. É delicioso.

13) E hoje, como se enxerga no espelho? 

Um pouco melhor. Não tenho tanto medo de me olhar como antes. Ainda tenho um caminho enorme pela frente, mas vejo que toda a dificuldade está valendo a pena de verdade.

14) Tem sonhos ou esperanças que havia se esquecido com o tempo? Vai resgatá-los ou o tempo é outro agora?

Resolvi fazer a cirurgia porque sou uma escritora que se esconde dos leitores. Tenho planos e ideias incríveis que estavam guardadinhas por que eu tinha medo de tirar foto ou de aparecer em uma reportagem. Já estou tirando esses rascunhos das pastas e quero fazer algo legal até o final do ano.

15) Tem consciência de que terá que se cuidar pelo resto da vida?

Tenho. É o que eu mais penso nos últimos tempos. Não faltam casos de pessoas que fizeram a cirurgia, ficaram magros e voltaram a engordar depois. Eu não quero fazer parte dessa estatística. Quero aproveitar essa oportunidade para consertar meus erros definitivamente.

16) Está feliz?

Muito. Ver o que eu mais lutei para ter acontecendo diante dos meus olhos diariamente, tem feito minha autoestima crescer muito.

17) Tem algum conselho a dar pra quem está ou esteve na mesma situação que você?

A cirurgia Bariátrica é uma excelente solução, mas precisa ser encarada com máxima responsabilidade. É necessária muita força de vontade e vale a pena passar por cada dificuldade.

Meu conselho é que o interessado pesquise bem todos os efeitos colaterais e também as dificuldades antes de encarar o centro cirúrgico. Feito isso é partir para a vida nova, saudável e ser feliz.

18) Aconselha a cirurgia?

Com certeza eu recomendo. Acho que foi a coisa mais certa que já fiz em toda a minha vida.

Camila se tiver algo importante e que não foi perguntado, por favor, diga-nos.


Tenho sim. As pessoas precisam entender que obesidade não é preguiça e sim uma doença que pode matar. O tratamento nem sempre é simples e como qualquer disfunção pode atrapalhar a vida de uma pessoa.

Muito obrigada, Camila, as informações são sempre muito importantes pra quem quer e precisa tomar alguma providência. Que seus sonhos se realizem e que você seja feliz e confiante daqui pra frente.


domingo, 27 de julho de 2014

Continuando a Reeducação Alimentar


Lembrando que Reeducação Alimentar não é dieta. É pra toda a vida. É aprender a comer sem exageros, o alimento certo na hora certa.

Não acho válido se privar algo que goste. O correto é saber comer de tudo, mas com moderação, na hora certa e no dia certo.

Tenho muita dificuldade em não ingerir doces. Tem semanas, aquelas difíceis pra nós mulheres, em que é praticamente impossível deixar doces pra lá. Como sim, mas pequenas porções.

Não tenho doces em casa. Se sinto vontade tenho que sair e comprar. O que já dificulta muito e acho ótimo que seja assim.

Carboidrato também é um grande vilão na minha vida. Tento moderar ao máximo, mas tem mês que exagero e a RE vai por água abaixo. Me arrependo, claro, mas volto a comer como antes, a seguir da melhor forma possível meu objetivo.

Digamos que tenho uma relação de profundo amor com o alimento. Um dos grandes prazeres que tenho na vida é comer, é saborear o alimento... Como me livrar disso, meu Deus do céu? Alguém sabe? Focar em outra coisa? Já tentei... E ainda não fui capaz. Ainda!

Então, pra mim e pra quem ainda não leu, nesse link AQUI tem uma sugestão de nutricionista, do que, quanto e quando comer. Básica e simples pra quem não gosta, assim como eu, de ficar horas e horas inventando receita no dia a dia. Tudo rápido e fácil. Pratos mais complicados fazemos de vez em quando.

Aliás, vocês sabiam que eu não me dou muito com o fogão? Então...

Uma ótima semana pra todos!

segunda-feira, 21 de julho de 2014

Frango da Roça com Quiabo e Angu

Imagem Google
Ingredientes

1 1/2 kg de frango cortado
1 colher (sopa) de óleo
1 cebola pequena fatiada
2 dentes de alho espremidos
cheiro verde picado
1 kg de quiabo
pimenta do reino a gosto
1 1/2 xícara (chá) de farinha de arroz

Modo de fazer

Numa frigideira não aderente, salpicada com um pouco de sal, doure o frango. À parte, numa panela grande, refogue a cebola, o alho, o cheiro verde no óleo. Junte o quiabo e a pimenta e deixe dourar mexendo de vez em quando. Acrescente o frango e tampe a panela, cozinhando até ficar bem macio. Adicione água, se necessário, para criar um caldo. Escorra o caldo numa penela e junte a farinha de arroz aos poucos, mexendo sempre para não encaroçar. Se engrossar demais adicione água quente.

Bom apetite!

segunda-feira, 14 de julho de 2014

Torta Alemã Light

Imagem Google

Massa

6 colheres (sopa) de margarina cremosa sem sal
4 colheres (sopa) de adoçante em pó próprio para fogão
1 xícara (chá) de amido de milho
1/2 xícara (chá) de farinha de trigo

Creme

400 gramas de ricota
1/2 xícara (chá) de leite desnatado
1 lata de creme de leite light
2 colheres (chá) de essência de baunilha
5 colheres (sopa) de adoçante em pó próprio para fogão


Cobertura

1 xícara (chá) de leite desnatado
4 colheres (sopa) de cacau em pó
1 colher (sopa) de amido de milho
3 colheres (sopa) de adoçante em pó próprio para fogão
1 colher (chá) de essência de baunilha

Modo de fazer

Massa

Misture com as mãos a margarina, o adoçante e o amido de milho. Aos poucos vá adicionando a farinha de trigo até ficar uma massa firme que desgrude por completo dos dedos. Se achar necessário você pode adicionar até 2 colheres (sopa) de água. Depois deixe a massa descansar por 20 minutos. Abra-a bem fina e corte-a em rodelas de mais ou menos 5 cm. Asse em forno médio até dourar.

Creme

Bata tudo no liquidificador até ficar um creme liso.

Montagem

Molhe todas as rodelas de massa no leite e separe-as em 3 porções. Espalhe a primeira parte no fundo de uma forma (de preferência redonda com 22 cm de diâmetro) e cubra-os com metade do creme. Em seguida coloque a segunda parte e cubra com o restante do creme. Finalmente distribua a última parte e leve à geladeira por, no mínimo, 2 h. Depois é só colocar a cobertura e servir.


segunda-feira, 7 de julho de 2014

Moqueca de Peixe com Abóbora

Imagem Google

Ingredientes

1 kg abóbora descascada e cortada em cubos
2 bananas da terra descascadas e picadas
2 tomates grandes cortados
1 pimentão
1 cebola grande em fatias
coentro
1 kg de peixe de carne rija, em pedaços grandes (badejo, garoupa)
1 colher (sopa) de azeite
Pó de urucum para colorir
Suco de 1 limão médio

Modo de fazer

Numa panela grande cozinhe a abóbora, somente até ficar meio tenra.
Numa panela de barro coloque a abóbora, a banana, o tomate, a cebola, o pimentão e o coentro.
Colocar o peixe, o óleo e a água o suficiente para fazer bastante caldo. Colocar o urucum. Cozinhe até os vegetais ficarem tenros e a carne do peixe desfiar facilmente.
Regue com o suco de limão.

segunda-feira, 30 de junho de 2014

Linhaça


Rica em fontes de fibra, sacia a fome e ajuda a controlar o apetite ao longo do dia. Uns dizem que seca a barriga, outros que é alimento de passarinho.

Com um arsenal de ômega 3, ajuda a combater inflamações, a diminuir a celulite e a combater a retenção de líquidos e o inchaço.

Além dos benefícios para emagrecer, melhora o funcionamento do intestino, regula a pressão arterial e reduz os níveis de colesterol.

Existem dois tipos de linhaça, a dourada e a marrom. São iguais.

Inclua a linhaça aos poucos na alimentação. Comece com três colheres por semana até seu organismo se acostumar, depois uma colher rasa das de sopa ao dia, com iogurte, sopas, cremes, sucos, bolos, caldos, enfim, com linhaça em grãos ou em farinha.  Por ser rica em fibras o consumo de dois litros de água ao dia é fundamental.

Ah, é comida de passarinho? É sim! E quem não quer comer como um passarinho para manter a boa forma?

Informações AQUI!

Boa semana a todos!

segunda-feira, 23 de junho de 2014

Exercícios Abdominais Avançados

Alguns vídeos com abdominais para quem já está no modo intermediário e avançado.

Lembrando que exercícios devem ser feitos com intervalo de 48h para o músculo voltar ao normal. É necessário esse descanso para se obter um resultado satisfatório.

Lembrando também da respiração que é muito importante. Inspirar, e expirar quando o músculo for contraído.

Uma dica pessoal: quando o músculo começar a doer e a vontade e o impulso for de parar imediatamente, não pare! Continue... Perceberão que a tolerância aumentará e a dor diminuirá.

Mais um lembrete: exercício abdominal não diminui a barriga. O que faz com que o abdômen fique sequinho são exercícios aeróbicos, com queima de calorias. Exercícios localizados são apenas para definir os músculos. A combinação de aeróbico/localizado terá um resultado mais satisfatório do que se forem feitos separadamente.

Outra dica importante: o músculo que deve ser trabalhado e com isso doer são os músculos abdominais. Se pescoço ou coluna começarem a doer pare imediatamente o exercício. Talvez eles possam estar sendo executados de forma inadequada. Um profissional de Educação Física irá corrigir a postura e a execução dos mesmos.

Boa sorte!




segunda-feira, 16 de junho de 2014

Futebol


É ou não é de arrepiar? Independente de todos os problemas descaradamente mostrados, nosso povo é unido na hora do Hino Nacional, veste a camisa e torce pela seleção. Que todos que torcem pelo título nessa Copa não se esqueçam que em outubro tem eleição e que é lá nas urnas que decidimos o país.

Falando de futebol...

Hoje nem tanto, mas sempre foi um esporte masculino e que sempre foi motivo de brigas entre casais. Mas é um esporte maravilhoso que queima 9 kcal/min, sem falar no aquecimento que é baseado em exercício aeróbico que queima 6 kcal/min.

Eu sou uma que não suportava futebol. Tinha birra quando ouvia o locutor dando o berro "gooooooooooooooolllll", mas depois mudei de ideia. O bom da vida é isso, mudar de ideia quando lhe convém, quando se é cativado, quando se começa a olhar com outros olhos que não seja de reprovação e repúdio. Conhecer primeiro para depois decidir se gosta ou não.


Um bom alongamento e depois aquecimento aeróbico evita possíveis lesões. É necessário sempre.

Para os homens é muito mais fácil formar um time e jogar uma "pelada", mas para as mulheres isso não é comum, ainda. Mas só de assistir a uma partida de futebol já se queima calorias, quer saber quantas? 70 kcal/h. Tudo o que fazemos se queima calorias. Então, vamos ver o filho, o marido, o irmão, a filha, seja quem for, jogar futebol. Vamos ver a Copa! E se for com emoção o gasto calórico é um pouco mais que 70 kcal/h.

Marta
Uma ótima semana para todos e que venha o título POR MERECIMENTO! BRASIL!



segunda-feira, 9 de junho de 2014

Dieta no Inverno


A melhor época para emagrecer é no inverno. Nosso metabolismo fica mais acelerado, pois nosso organismo precisa trabalhar mais para mantê-lo aquecido devido as baixas temperaturas. Gastando mais energia ele pede mais alimentos calóricos para repor o estoque no organismo.

Uma dieta controlada com baixo valor calórico e que dê saciedade é ideal para eliminar peso. A regra de se alimentar a cada três horas é regra para a vida toda, pois o organismo entende que sempre terá o alimento e não se privará de queimá-lo. Quando se passa muito tempo sem se alimentar ele entende que é preciso economizar e por isso a queima das reservas é menor. É praticamente um complô contra nós.

Beber dois litros de água também é fundamental para o bom funcionamento do organismo. Enfim, tudo continua como antes, com a Reeducação Alimentar.

Abuse dos caldos de legumes, carnes magras, chás, leite desnatado com cacau em pó, adoçante e canela, torradas integrais na quantidade suficiente e nada de gorduras extras para esquentar o corpo. Saladas verdes são praticamente esquecidas, mas podem ser preparadas cozidas ou refogadas. Como sobremesa abuse das frutas. Uma boa dica são frutas quentes, cozidas ou esquentadas no micro-ondas, salpicadas com adoçante. Maçã cozida no micro-ondas, salpicadas com adoçante em pó e canela fica uma delícia!

Mas, se a vontade de adoçar um pouco a vida for grande demais existem tabletes de 5 gramas de chocolate 70% cacau que é o chocolate meio-amargo. E tem só 25 kcal/cada. Coloque pedacinhos na boca e deixe derreter, deguste tranquilamente, com calma... A sensação da falta de doce no organismo praticamente some.

Vamos praticar a RE no inverno então? Boa semana para todos!


segunda-feira, 2 de junho de 2014

Superação

Foto: Carol Fontes / Rio de Janeiro
Leiam sobre essa turma animada neste link AQUI!

Foto: Mariáurea Machado/GLOBOESPORTE.COM
Leiam sobre essa outra turma neste link AQUI!

Tantos outros exemplos de superação existem em todos os lugares. Por que falo sobre esse assunto? Por mim! Sem querer ser exemplo para ninguém além de mim, conto aqui um pouco sobre minhas várias superações.

Me apaixonei pelo esporte, pela academia mais precisamente, ainda jovem. Era década de 80, aeróbica, jazz, localizada e afins. Fui estudar Educação Física. Me formei em 1989, mas por motivos que não cabem aqui não exerci a profissão. Daquele tempo até 2012 vivi uma vida praticamente sedentária. Voltei para a academia. Reapaixonei-me! Com isso minha vontade de me superar a cada dia não tinha limites. Andar na esteira? Um horror! Tinha que ficar segurando para não me estabacar no chão. Naquele meu tempo não haviam esteiras elétricas. Gostava mesmo era de movimento, de aeróbica, de sentir dor nos músculos, de ter a sensação de fadiga muscular. Ainda gosto dessas sensações mas hoje a tecnologia é fascinante.

Bem, depois fiz jump e também me apaixonei. Mais movimento, menos tédio, mais cansaço, mais satisfação, mais superação. Já havia emagrecido bastante.

Depois veio o Muay Thai. Olhei de longe e me lembrei daquele meu tempo de faculdade, já gostando "dessas coisas de luta". Mas fazer Muay Thai, nessa idade? Fui fazer uma aula e nunca mais saí do tatame. Emagreci bastante, modelei um pouco, só um pouco, o corpo e minha saúde melhorou muito. Meu condicionamento está ótimo, o ânimo é infinitamente maior, tudo melhora. E a autoestima? Nem se fala!
E olha só a foto abaixo, eu, com quase cinquentinha, graduando no Muay Thai. Pode isso? Pode! Eu pude e fiz. Quando queremos nada é empecilho, nada atrapalha, nada é obstáculo além de nós mesmos. Vamos? O que você gosta de fazer? Anime-se, faça!

Ainda estou fofinha (maciinha, como uma mulher me disse), mas eu chego lá!

E o professor é de uma paciência sem limite. Juliano Gimenes, muito obrigada por tudo!


segunda-feira, 26 de maio de 2014

Batata Doce

A queridinha do momento


Falou em dieta ou reeducação alimentar a batata doce está entre os assuntos citados.

É um carboidrato complexo de baixo índice glicêmico, ou seja, sua absorção é mais lenda, liberando glicose na corrente sanguínea aos poucos sem estimular a insulina. Rica em fibras, fonte de ferro, vitamina C e potássio e alto teor de vitamina E.
Auxilia na queima de gordura e no ganho da massa magra; ajuda a controlar a diabetes; diminui o apetite, reduz o colesterol e ajuda na digestão pela riqueza de fibras; fortalece o sistema imunológico pela grande quantidade de vitamina A; devido a vitamina E, faz bem para a pele; regula a pressão arterial e reduz câimbras devido a vitamina C.

É realmente um carboidrato poderoso que não devemos abrir mão, pois é a fonte de energia que temos para gastar. Sem carboidratos, sem energia suficiente para queimar gordura.

Retirei informações nesse link AQUI, que sugiro que leiam. Há muitas outras informações importantes, com entrevista a uma nutricionista e várias explicações e comparações da batata doce com outros carboidratos.

Receita

Purê de batata doce com cebola

Ingredientes

800 gr batata doce sem casca e cortada em pedaços
1 l de cado de carne
2 cebolas grandes cortadas em rodelas
1/3 xícara (chá) de manteiga
1/3 xícara (chá) de açúcar
1/2 colher (chá) de sal
1 pitada de pimenta calabresa
2 colheres (sopa) de vinagre

Modo de fazer

Numa panela cozinhe a batata doce no caldo de carne por 25 min ou até ficar macia. Escorra, reservando 1/2 xícara (chá) do caldo. Esprema e junte o caldo. Mexa bem. Numa panela média coloque a cebola, a manteiga e o açúcar e leve ao fogo baixo mexendo até a cebola ficar macia e dourada. Acrescente o sal, a pimenta e o vinagre. Retire do fogo. Numa outra panela leve o purê ao fogo médio mexendo sempre até esquentar bem. Transfira para um prato, cubra com a cebola e sirva a seguir.


segunda-feira, 19 de maio de 2014

Superação


Ontem, no Esporte Espetacular, foi mostrado o campeonato de levantamento de peso, de força bruta. Um homem levantou 223 kg. Imaginem? 223 kg? O homem mais forte do planeta!

O que leva uma pessoa a se esforçar, treinar, sofrer, competir e se superar cada vez mais? Anos e anos de treino e alguns minutos de competição. Às vezes com bons resultados e outras vezes nem tanto. Anos e anos para nada dar certo no dia decisivo.

Até onde vai o limite do homem? Bater recordes, se limitar a uma vida regrada com alimentação super controlada, vida regrada, e às vezes família que fica um pouco abandonada, tudo em nome da superação, do esforço repetitivo, da autoestima, na certeza de que vai dar tudo certo, que vai conseguir e cada vez mais um milímetro, um segundo que faz toda a diferença no resultado.

Alguns desistem, não por saber que não têm chances, mas por se preservar e partir para outro campeonato.
Me lembrei muito do filme do Stallone, O Campeão, com queda de braço.


O campeão, Zydrunas Savickas, lituano, bateu o recorde mundial e é o homem mais forte do mundo!


O rapaz é forte! Treinamento pesado, alimentação exagerada, disse que não entra em briga, é claro, pois já sabe que pode machucar, enfim, vida de atleta. Quem quiser ver o vídeo clique AQUI!


segunda-feira, 5 de maio de 2014

Banana

Assunto da semana: banana!


Sorvete de banana - já postada aqui e vou repetir.

Ingredientes

Bananas cortadas em rodelas

Modo de fazer

Coloque num saco plástico e no freezer até que estejam firmes. Depois bata tudo no liquidificador ou processador. Pronto! Está pronto o sorvete de banana. Se quiser incrementar, adicione com uma calda de chocolate, feita com cacau em pó e adoçante, ou então com um fio de mel e um pouco de aveia. A gosto.


Torta de banana com ricota
(Receita do Bem-Estar)

Ingredientes

4 bananas descascadas
1 l de leite desnatado
1 ricota
1 pacote pudim diet sabor baunilha

Modo de fazer

Cortar as bananas na longitudinal e forrar uma forma refratária.
Bater os outros ingredientes no liquidificador e depois despejar na forma com as bananas. Polvilhar canela em pó e levar ao forno pré-aquecido por mais ou menos 25 min.


Bolo de banana sem farinha de trigo

Ingredientes

3 ovos
1/2 xícara (chá) de azeite extra virgem
4 bananas nanicas
1 xícara (chá) de açúcar mascavo
1 xícara (chá) de farelo de aveia
2 1/2 xícaras (chá) de aveia em flocos finos
1/2 xícara (chá) de castanha do Pará
1/2 xícara (chá) de uva passa
1 colher (sopa) de fermento em pó

Modo de fazer

Misture bem o açúcar mascavo, farelo de aveia e aveia em flocos, castanha, uva passa e fermento. Reserve.
Bata no liquidificador os ovos, o azeite e as bananas. Despeje nos ingredientes secos e misture. Despeje sobre uma forma untada e leve ao forno médio pré-aquecido por aproximadamente 35 min.



segunda-feira, 28 de abril de 2014

Iogurte Grego Caseiro

Imagem Google

Ingredientes

2 l Leite, pode ser desnatado
1/2 pote Iogurte natural integral

Modo de fazer

Esquentar o leite até formar aquelas bolhinhas nas bordas, em torno de 175-180 graus. Retirar aquela pele que fica por cima.
Deixe esfriar até 40º
Coloque o leite em um recipiente com tampa e misture a metade do pote de iogurte.
Tampe e envolva o recipiente em um cobertor ou manta e coloque no forno que foi aquecido por 1 minuto a 180º. Tempo de incubadora: de 5 a 6h que pode se estender por até 24h.
Estará no ponto quando apresentar uma consistência levemente gelatinosa. Esse é o iogurte natural.
Para fazer o grego:
Drenar o iogurte utilize um escorredor de macarrão, uma tigela e um pano de louças. Coloque o pano dentro do escorredor e em seguida coloque o leite nesse "coador" e leve à geladeira por 4 a 5h. Quanto mais tempo ficar na geladeira mais consistente fica.
O iogurte reduzirá pela metade quando separado do soro. Depois é só batê-lo com o batedor para deixá-lo na consistência desejada.

Retirei essa receita desse link AQUI. Leiam, pois tem muitas outras informações sobre esse iogurte e os benefícios que ele proporciona. Vale a informação.

E eu que nem gostava desse grego, estou mudando de ideia.... Vivendo e aprendendo!




segunda-feira, 21 de abril de 2014

Cãibra


Hmmmm, isso dói!!!

Uma contração muscular violenta e involuntária: cãibra.

Causas - quando os músculos não estão preparados para exercer um esforço além da conta, intensidade nos exercícios e falta de vitaminas e sais minerais.

Escassez de oxigênio na circulação também contribui para essa contração muscular. Por isso a respiração correta é tão importante durante os exercícios.

Suor durante as atividades físicas também desencadeia a cãibra. A perda de sódio em excesso pode desencadear essa contração involuntária.

Quem faz muito esforço físico durante o dia pode ter contrações à noite. E quem não faz também, pois a falta de sódio é crucial.

Quando acontecer a cãibra, melhor esticar a perna ou a parte contraída e esperar voltar ao normal. Dói... e muito!

" Não existe um tratamento específico para essas contrações. O melhor a fazer é se condicionar antes de partir para atividades físicas mais exigentes, comer e beber o suficiente para suportar a carga extra do exercício e procurar respirar profunda e coordenadamente durante os treinos. Quem sua muito pode apostar nos géis de carboidrato e líquidos isotônicos, além da água. Feito isso, você já pode malhar em paz!"


Fonte de pesquisas AQUI!

segunda-feira, 7 de abril de 2014

Chips, Suco e um Doce


Chips light

Ingredientes

Abobrinha cortada em fatias finas
Batata cortada em fatias finas
Sal grosso triturado a gosto

Modo de fazer

Deixe de molho em água gelada por 15 min. Forre o prato do micro-ondas com papel próprio para ir ao forno e disponha a batata temperada com sal grosso. Cozinhe por mais ou menos 8 min virando na metade do tempo. Repita o mesmo procedimento com a abobrinha. Depois coloque tudo numa forma antiaderente e leve ao forno baixo pré-aquecido por mais ou menos 10 min.



Suco detox de berinjela

Ingredientes

1 berinjela pequena
1 folha de couve
1 limão
1 colher (chá) de chia triturada
300 ml de água ou água de coco

Modo de fazer

Bata tudo no liquidificador e coe. Sirva com gelo.



Tapioca com doce de abóbora

Ingredientes

100 g de goma de tapioca pronta
1 colher (sopa) de doce de abóbora para cada tapioca

Modo de fazer tapioca

Aqueça uma frigideira antiaderente
Espalhe a goma até cobrir todo o fundo
Doure dos dois lados
Coloque o recheio sobre a massa e dobre ao meio

Doce de abóbora

Abóbora moranga cortada em cubos
Canela
Cravos
Adoçante para forno e fogão a gosto
Um pouco de água até cobrir a abóbora

Modo de fazer

Cozinhar tudo na panela de pressão por mais ou menos 15 min, retire e mexa até dissolver e formar uma pasta.

Receitas sugeridas pelo site Lucília Diniz.